O Projeto

APRESENTAÇÃO



MUSAS – Museu de Street Art Salvador




MUSAS PÓLEN - O momento atual

*Polinização é o transporte de grãos de pólen de uma flor para outra, ou para o seu próprio estigma. É através deste processo que as flores se reproduzem.
Depois de dois anos atuando na comunidade do solar do unhão, percebemos que as atividades podiam ser dinamizadas para espaços próximos, bairros vizinhos mantendo o papel do grupo, que é fortalecer e dinamizar a produção de outras flores (que é como chamamos os núcleos e ajuntamentos de pessoas) sem nos ater a um único lugar. Formas simples de apoiar, realizamos atividades de pintura, mutirões de graffiti, atividades recreativas em datas domo natal e dia das crianças, cinema, bate papos, além de utilizarmos estratégias de comunicação já aplicadas no MUSAS, como criação de paginas do Facebook como ferramenta de publicidade e visibilidade, design de logomarcas para projetos e associações e outras ações que acabaram gerando uma aproximação cultural e artística entre a comunidade do Solar do Unhão, a Gamboa de Baixo e a Ladeira da Preguiça.

Os primeiros  projetos que MUSAS aplica a ideia do Pólen até o momento:
- Projeto Que ladeira é Essa Que tem sede na ladeira preguiça e tem o intuito de revitalização do local, biblioteca aberta, aulas de percussão, além de oficinas de artes e atividades esportivas. Tem realizando também a pintura dos casarões antigos como forma de devolver autoestima ao bairro e aos moradores.
- Projeto Muda Gamboa Que nasceu na comunidade da Gamboa de Baixo, idealizada pelos moradores com a missão principal de trazer atividades culturais, esportivas e lúdicas, para o bairro, além de ações como mutirões de limpeza, mutirões de pintura, e outras atividades que possam colaborar com a melhoria do mesmo.
- Ocupação Cidade de Plástico, Periperi Que apoia ações fundamentais do grupo O Terreiro Arte Sagrada, que se propõe a atividades ligadas a música e a cultura, além de promover a anos as atividades do dia das crianças e outras manifestações.

Nosso papel hoje
Inspirar o conhecimento de uma geração sobre a sua capacidade de trazer melhorias para uma cidade repleta de necessidades, contextualizar e atestar papel do fazer artístico nas paisagens urbanas, tendo como compromisso, acima de tudo a crença no poder da arte e da cultura para o desenvolvimento do ser humano, através da soma de ações individuais apoiadas por diferentes núcleos. Na presença do descaso, e da falta de perspectivas, somos um coletivo que pensa e realiza ações em prol da melhoria do seu ambiente - o micro e o macro. Essas inquietações só se abrandarão quando observarmos que os referenciais socioculturais e políticos foram ampliados e trouxeram melhores condições às estruturas da comunidade, inspirando e sendo agente multiplicador para ações semelhantes em outros espaços.


COMO TUDO COMEÇOU?
O primeiro contato com a comunidade do Solar do Unhão surgiu a partir do convite de Tico Sant'ana, mestre de capoeira conhecido na comunidade. Nesse balanço e no toque do berimbau, o coletivo Nova10ordem descobriu um lugar mágico, com paredes imensas e cheio de possibilidades de pintura para uma comunidade bastante receptiva. O coletivo passou 3 anos tendo experiências com mutirões de grafite,  em diversas comunidades de Salvador, e há algum tempo estava sentindo a necessidade de se firmar para conquistar uma comunidade por inteiro. Os mutirões sempre foram realizados através da convocação de grafiteiros, artistas circenses, e voluntários ligados a área de saúde como ginecologia, higiene pessoal, odontologia, entre outras. Os grafiteiros convocados se ocupam com a parte estética da comunidade, e levam de casa seu próprio material (o spray é um material com um custo médio de 18,00 por lata), os artistas circenses são responsáveis pela magia, os voluntários ligados a saúde fazem oficinas, e todos interagem em um dia inteiro, brindado por uma super feijoada servida no almoço para quem quiser chegar. Massaranduba, Saramandaia, Cidade de Plástico (Periperi), Uruguai, Ribeira, ocupação sem teto no Bonfim, são algumas das comunidades que já realizamos alguns mutirões. Ao se instalar na comunidade do Solar do Unhão, a intenção do coletivo é gerar ali um organismo vivo, que poderá se tornar futuramente uma célula independente, que permita que o coletivo expanda o tipo de ação para outras comunidades.

 
Designed By OddThemes | Distributed By Blogspot Templates